Sistemas do CNPq ficam fora do ar pelo 4º dia e acesso a currículos de pesquisadores é afetado

Após quatro dias com sistemas fora do ar, o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico descarta perdas de dados e a identificação das falhas na plataforma de acesso a currículos de cientistas e operações de pesquisa. Em um comunicado, o CNPq coloca que o problema que causou a indisponibilidade dos sistemas já foi diagnosticado em parceria com empresas contratadas e os procedimentos para reparação foram iniciados. A agência federal de fomento à pesquisa afirma que já dispõe de novos equipamentos de TI e a migração dos dados foi iniciada antes do ocorrido.

Ela afirmou, ainda, que existem backups que estão apoiando o restabelecimento dos sistemas. O CNPq garante que não há perda de dados da plataforma Lattes, o pagamento das bolsas não será afetado e todos os prazos de ações relacionadas ao fomento, incluindo a Prestação de Contas, estão suspensos e os de ofício serão prorrogados. Em comunicado anterior, o CNPQ chegou a informar que a placa do servidor que queimou não tinha backup, não havia dimensão dos dados perdidos e a folha de pagamento estava comprometida. Agora, informa que possui backup do servidor queimado que originou o apagão na plataforma Lattes, que hospeda informações sobre pesquisadores brasileiros e seus trabalhos científicos.

*Com informações do repórter Marcelo Mattos 

Ultimas notícias

spot_img

Veja tambem