Prefeitura de Porto Alegre lança Centro+, programa de revitalização do Centro Histórico

A prefeitura de Porto Alegre lançou, nesta segunda-feira (9), o Centro+, proposta de revitalização do Centro Histórico da Capital Gaúcha. Trata-se de um dos sete programas de governo pactuados no Plano Plurianual 2022-2025. A iniciativa, desenvolvida e coordenada pela Secretaria Municipal de Planejamento e Assuntos Estratégicos, pretende redesenhar a governança das ações.

O programa prevê atuação em questões como segurança pública, infraestrutura, fiscalização, desenvolvimento econômico, zeladoria, mobilidade e preservação do patrimônio histórico, além de intervenções para fomentar o turismo e a cultura local. Existem, no entanto, três ações consideradas emblemáticas pela prefeitura, em virtude da sua simbologia: a revitalização do Mercado Público, uma solução para o Esqueletão (Galeria XV de Novembro) e a substituição do Muro da Mauá – que contempla, também, articulação interinstitucional para a recuperação do Cais Mauá.

“Com o Centro+, nós estamos abrindo uma carta de oportunidades para revitalização do bairro. A maioria das cidades remodelou suas áreas centrais e Porto Alegre também está empenhada em revitalizar o coração da Capital”, disse o prefeito Sebastião Melo.

Esqueletão

Na tarde desta segunda, a 10ª Vara da Fazenda Pública de Porto Alegre determinou que a Galeria XV de Novembro, conhecida como Esqueletão, seja interditada e desocupada no prazo de 30 dias. A decisão, do juiz Eugenio Couto Terra, atendeu pedido da Procuradoria-Geral do Município em ação ajuizada em 2003 pelo Município contra os proprietários do prédio. Em julho, a prefeitura já tinha firmado acordo de cooperação com a UFRGS (Universidade Federal do Rio Grande do Sul) para a elaboração de um laudo técnico.

Ultimas notícias

spot_img

Veja tambem