Vacinação contra a gripe entra na 3ª fase sem atingir meta, diz Secretaria da Saúde do RS; veja próximos grupos


Vacinação de idosos foi a mais distante da meta de 90%, com apenas 35% do público imunizado. Próxima faixa contempla pessoas com comorbidades ou deficiência permanente, trabalhadores do transporte, forças de segurança e sistema prisional. Rio Grande do Sul amplia vacinação contra a gripe na quarta (9)
Gustavo Mansur/Palácio Piratini/Divulgação
Começa, na quarta-feira (9), a terceira etapa da campanha de vacinação contra a gripe no Rio Grande do Sul. Essa próxima faixa contempla pessoas com comorbidades ou deficiência permanente, trabalhadores do transporte, forças de segurança e sistema prisional.(Veja abaixo os grupos completos)
Segundo a Secretaria Estadual da Saúde (SES), as duas etapas anteriores não atingiram a meta de imunizar 90% dos integrantes de grupos prioritários, que somam pouco mais de 3,5 milhões de pessoas.
Em Porto Alegre, a Secretaria Municipal de Saúde oferece mais de 90 locais de vacinação, de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. Clique aqui para ver os endereços.
No RS, a vacinação de idosos contra o vírus Influenza atingiu 35,8% do público, pouco mais de 770 mil das 2,1 milhões de pessoas nesse grupo. Foi a menor marca atingida pelo estado, de acordo com a SES.
Os demais grupos também ficaram abaixo da meta. A vacinação de professores só contemplou 39,8% dos mais de 141 mil integrantes da faixa. No caso de trabalhadores da saúde, 45,8% foram imunizados em um universo de 361 mil pessoas.
A vacinação de gestantes e puérperas (mulheres até 45 dias após o parto) ficou perto da metade do grupo. Entre as crianças de seis meses até seis anos, quase 57% das 765 mil foram vacinadas.
Os povos indígenas alcançaram o maior percentual de cobertura, com 78,8% de imunização, em um público de 30 mil pessoas.
Quem integra algum grupo atendido nas duas primeiras fases e ainda não se vacinou pode comparecer às unidades de saúde dos municípios para se imunizar.
O governo recomenda um intervalo mínimo de 14 dias entre as vacinas contra a gripe e contra a Covid-19, com prioridade para a imunização contra o coronavírus.
Se a pessoa apresentar sinais de infecção por coronavírus, deve adiar a vacinação da gripe até a recuperação clínica total e aguardar, pelo menos, quatro semanas após o início dos sintomas, informa a SES.
Grupos atendidos na terceira etapa:
Pessoas com comorbidades – 777.224
Pessoas com deficiência permanente – 399.436
Caminhoneiros – 111.289
Trabalhadores de transporte coletivo – 42.831
Trabalhadores portuários – 4.051
Forças de segurança e salvamento – 31.489
Forças Armadas – 38.899
Funcionários do sistema prisional – 4.881
População privada de liberdade – 40.099
VÍDEOS: Tudo sobre o RS

Ultimas notícias

Falta de insulina na rede pública de farmácias causa preocupação em pessoas com diabetes no RS

Segundo a Secretaria Estadual da Saúde, falta do medicamento ocorre desde maio. Ministério da Saúde alega que foram...

Rio Grande do Sul se aproxima de 1 milhão e 200 mil testes positivos de coronavírus. Mortos são quase 31 mil

Divulgado nesta quinta-feira (24), o mais recente boletim epidemiológico da Secretaria da Saúde ampliou para 1.199.084 o número de testes positivos de coronavírus no...

Ministra do STF rejeita novo habeas corpus de ex-segurança preso pela morte de homem negro em supermercado no RS

Defesa de Giovane Gaspar da Silva pedia a conversão da prisão preventiva em domiciliar para que respondesse o...

Banco do Brasil abre concurso com vagas para cinco regiões do RS

Mais de 150 vagas imediatas serão preenchidas. Concurso seleciona também para cadastro reserva. Cargo é de nível médio...

Veja tambem