RS tem 490 cidades com 2ª dose suspensa por falta de vacina, diz Conselho das Secretarias de Saúde


Estado tem 497 municípios. Expectativa da Secretaria Estadual da Saúde e de prefeituras é que mais doses da CoronaVac cheguem na próxima semana. Cidades do RS relatam falta de doses da CoronaVac, produzida pelo Instituto Butantan
Cristine Rochol/PMPA/Divulgação
O Conselho das Secretarias Municipais de Saúde (Cosems) do Rio Grande do Sul afirma que 490 dos 497 municípios do estado interromperam a aplicação da segunda dose da CoronaVac por falta de vacinas.
Dados das prefeituras e da Secretaria Estadual da Saúde (SES) apontam que faltam 460 mil doses para completar a imunização de quem recebeu a primeira dose a partir de 20 de março.
O Cosems não divulgou a lista de cidades com a vacinação suspensa ou mantida. Segundo o secretário-geral da entidade, Diego Espíndola, novos levantamentos não serão feitos, uma vez que há a expectativa de chegada de mais doses da CoronaVac na próxima semana.
“Nos preocupa isso, mas todos os técnicos do Ministério da Saúde têm dito que, no momento que estiver essa dose disponibilizada, que as pessoas procurem as unidades de saúde para se vacinar e não perder a segunda dose”, disse.
Na quinta-feira (29), o estado recebeu um lote pequeno de CoronaVac, com 7,2 mil doses, parte de uma entrega de 104 mil doses para todo o país.
Outras 600 mil doses estão previstas para distribuição neste final de semana no Brasil. Segundo a SES, 22 mil delas vêm para o RS.
RS distribui vacinas de Oxford aos municípios
Cidades iniciam imunização de pessoas com comorbidades
Vacinação contra a Covid segue neste sábado em Porto Alegre
Até esta sexta, o Rio Grande do Sul aplicou 2.260.244 vacinas em primeira dose. O número equivale a 19,9% da população de 11,3 milhões de pessoas. Outras 943.718 já receberam a segunda dose, totalizando 8,3% dos habitantes do RS.
Porto Alegre inicia a vacinação contra Covid-19 em pessoas como comorbidades
Falta de vacinas
Em 21 de março, o Ministério da Saúde autorizou que todas as vacinas armazenadas pelos estados e municípios para garantir a segunda dose fossem utilizadas imediatamente como primeira dose.
Com problemas na produção da CoronaVac, pelo Instituto Butantan, houve falta de doses para o complemento da imunização.
Vídeos: RBS Notícias

Ultimas notícias

Municípios do RS temem 'apagão' por falta de vacina contra a Covid, diz Conselho das Secretarias de Saúde

Fiocruz e Butantan anunciaram a paralisação na fabricação das vacinas Oxford/AstraZeneca e CoronaVac. Secretaria da Saúde estima que...

Operação dispersa pontos de aglomeração em Porto Alegre

Ocorrências foram registradas nos bairros Centro Histórico, Arquipélago, Cidade Baixa e Moinhos de Vento. Festa realizada em estabelecimento...

Homem de 72 anos é morto a tiros em Porto Alegre

Vítima, identificada como João Carlos Franco Cunha, de 72 anos, foi atingido por dois tiros na nuca e...

Museus recebem visitantes com hora marcada no RS; saiba como agendar

Reabertos após período de restrições, os museus históricos e artísticos da Capital e interior do estado organizam as...

Veja tambem