RS completa uma semana de UTIs lotadas; Porto Alegre tem mais de 210 pessoas na fila de leito crítico


Semana começa com 13 dos 18 hospitais da Capital com ocupação máxima de leitos de UTI. No estado, rede de saúde opera com 104,6% da capacidade. Equipe do Hospital de Clínicas de Porto Alegre realiza procedimento de pronagem em paciente internado na UTI
Silvio Avila/Divulgação
A semana começa com 212 pacientes à espera de leito de UTI, em Porto Alegre, segundo dados disponíveis às 13h desta segunda-feira (8) no portal da prefeitura.
Dos 18 hospitais monitorados pela Secretaria Estadual da Saúde na Capital, 13 estavam com ocupação máxima, às 12h. No geral, a cidade tem 104% dos leitos ocupados. São 1.032 pacientes internados para 993 vagas disponíveis. Destes, 69% estão com Covid.
Veja a ocupação dos leitos de UTI e clínicos em Porto Alegre
Há uma semana com hospitais lotados, a rede de saúde do Rio Grande do Sul opera com 104,6% da capacidade. Os dados são da SES, que monitora 299 hospitais públicos e privados diariamente. No balanço divulgado às 11h, 37 instituições ainda não haviam atualizado seus números.
Quando o número de internados supera o total de leitos de UTI, os hospitais precisam remanejar recursos, abrindo vagas em leitos clínicos para dar conta da demanda elevada. A SES acionou a última etapa do Plano de Contingência Hospitalar, que prevê a utilização de todas as áreas de atendimento aos casos de Covid-19.
De acordo com o painel da SES, na manhã desta segunda, das 21 regiões Covid do estado, 11 estão com ocupação máxima.
Leitos UTI adulto no RS
‘Esgotamento dos ventiladores’
A diretora-presidente do Hospital de Clínicas de Porto Alegre (HCPA), Nadine Clausell, falou no Bom Dia Rio Grande, da RBS TV, sobre os esforços da equipe médica para remanejar respiradores de outras áreas para atender pacientes com Covid, nos últimos dias.
“De quinta (4) para sexta-feira (5), quando nós começamos a ver o esgotamento dos nossos ventiladores, se conseguiu fazer uma série de medidas intra-hospital, retirar ventiladores da emergência pediátrica, até da UTI de neonatologia ontem [domingo] de noite. Fizemos toda uma revisão do nosso parque para tentar realocar aparelhos de mais alta performance para esses pacientes. Também conseguimos emprestado de alguns outros hospitais. Tomamos algumas medidas de fazer contato com algumas empresas”, explicou.
Segundo a Secretaria Estadual da Saúde, o HCPA tem 167 respiradores em UTI adulto atendendo 188 pacientes.
“Este, sim, é um recurso que pode ser finito. Porque nós estamos usando já aparelhos que não são ótimos, em alguns casos, aparelhos de anestesia. Esta é uma conta que nos preocupa muito”, afirmou.
Diretora-presidente do Hospital de Clínicas fala sobre desafios em meio à pandemia
Bandeira preta
O estado permanece em bandeira preta até o dia 21 de março. Nesta semana, passam a valer novas restrições. Veja:
suspensão geral de atividades das 20h às 5h até 31 de março.
multa de até R$ 2 mil para quem se recusar a usar máscara, podendo ter o valor dobrado em casos de reincidência.
os estabelecimentos estão proibidos de prestar serviço ou comercializar produtos não essenciais nos horários de funcionamento reservados às atividades essenciais.
sorveterias também devem permanecer fechadas, com apenas 25% dos trabalhadores para atender às demandas de tele-entrega, pague e leve e drive-thru.
clínicas estéticas, assim como salões de beleza, cabeleireiros e barbeiros, não podem funcionar durante a bandeira preta.
é proibido o funcionamento de academias em condomínios, assim como as demais áreas de uso comum.
banho de mar, lagoa ou rio, que até então estava permitido, passa a ser proibido. A circulação em faixas de areia segue permitida, desde que com uso correto de máscara e distanciamento interpessoal mínimo de um metro. A prática de esportes aquáticos individuais ou coletivos também fica proibida.
VÍDEOS: Profissionais da saúde falam sobre rotina de atendimento

Ultimas notícias

Voluntários produzem pães para doar a estudantes da rede pública de Taquara

Campanha começou, há três semanas, produzindo 100 pães. Com doações da comunidade, volume foi duplicado. Produção dos pães...

Hospitais gaúchos ganham 80 milhões de reais para o combate ao coronavírus

O governo do Estado repassou, nesta sexta-feira (9), R$ 80 milhões a cerca de 200 hospitais gaúchos para o custeio dos serviços ambulatoriais e...

Municípios do RS notificam Anvisa por lotes de vacina contra a Covid com menos doses do que indicado

Conselho de Secretarias Municipais da Saúde estima perda de 20 mil doses em 100 cidades. Agência afirma que...

Corujas são devolvidas à natureza após tratamento em Porto Alegre

Filhotes foram encontrados em uma rua da Zona Sul da Capital há três meses. Animal é comum em...

Veja tambem