Prefeitura assina contrato de concessão do Parque da Harmonia e de trecho da orla em Porto Alegre


Projeto prevê 35 anos de concessão dos espaços ao consórcio Gam3 Park. Investimentos devem chegar a R$ 31 milhões. Trecho 1 da Orla do Guaíba, revitalizado em 2018
Divulgação/Comunicação da Prefeitura de Porto Alegre
O contrato de concessão do Parque Maurício Sirotsky Sobrinho, mais conhecido como Harmonia, e do trecho 1 da Orla do Guaíba foi assinado nesta quinta-feira (11) entre a Prefeitura de Porto Alegre e o consórcio Gam3 Parks, formado pelo Grupo Austral e a 3 M Eventos, vencedora do edital.
O contrato prevê 35 anos de gestão e operação pelo conjunto de empresas. Deverão ser investidos mais de R$ 280 milhões ao longo do contrato, com 1,5% do faturamento revertido ao município. Segundo a prefeitura, 500 empregos devem ser gerados.
A concessionária deve entregar um plano operacional a ser encaminhado à prefeitura para aprovação. O projeto também precisa ser validado pelo setor técnico da Secretaria Municipal de Meio Ambiente, Urbanismo e Sustentabilidade.
Os permissionários dos bares do trecho 1 da Orla do Guaíba deverão assinar contrato com a nova concessionária, etapa que é necessária para início da concessão. A operação também deve aguardar o fim de medidas restritivas na cidade devido à Covid-19, norma prevista em contrato.
O diretor-presidente da concessionária, Vinicius Garcia, apresentou os principais atrativos pensados para o Parque Harmonia, entre áreas para realização de eventos, museu, parque, churrasqueiras para utilização gratuita e uma rua, chamada Rua da Harmonia, com mais de 50 lojas e restaurantes. Segundo ele, o Harmonia deve ser um “parque temático”.
Parque Maurício Sirotsky Sobrinho, o Harmonia, sedia o Acampamento Farroupilha
Brayan Martins/ PMPA
Eventos ficam mantidos
Os três eventos que ocorrem tradicionalmente no Parque Harmonia — Acampamento Farroupilha, Rodeio de Porto Alegre e Acampamento Indígena — estão previstos no contrato.
A prefeitura aponta que eles terão melhores condições para serem realizados, com a disponibilização da estrutura de água e luz, sanitários e recolhimento de resíduos. Os grupos participantes de cada um dos eventos, por sua vez, desembolsarão apenas os valores referentes ao uso dos serviços de infraestrutura oferecidos.
VÍDEOS: Tudo sobre RS

Ultimas notícias

Voluntários produzem pães para doar a estudantes da rede pública de Taquara

Campanha começou, há três semanas, produzindo 100 pães. Com doações da comunidade, volume foi duplicado. Produção dos pães...

Hospitais gaúchos ganham 80 milhões de reais para o combate ao coronavírus

O governo do Estado repassou, nesta sexta-feira (9), R$ 80 milhões a cerca de 200 hospitais gaúchos para o custeio dos serviços ambulatoriais e...

Municípios do RS notificam Anvisa por lotes de vacina contra a Covid com menos doses do que indicado

Conselho de Secretarias Municipais da Saúde estima perda de 20 mil doses em 100 cidades. Agência afirma que...

Corujas são devolvidas à natureza após tratamento em Porto Alegre

Filhotes foram encontrados em uma rua da Zona Sul da Capital há três meses. Animal é comum em...

Veja tambem