Pico de chuva de meteoros pode ser visto até esta terça no RS


Taxa média é de 10 meteoros por hora. Melhor horário para assistir o fenômenos é por volta da meia-noite até o amanhecer. Chuva de meteoros terá pico até esta terça-feira no RS
Observatório Heller & Jung/Divulgação
Uma chuva de meteoros Alfa Centaurídeos pode ser vista no céu do Rio Grande do Sul até o dia 21 de fevereiro, segundo o Observatório Espacial Heller & Jung, em Taquara, na Região Metropolitana de Porto Alegre. O pico do fenômeno acontece até esta terça (9).
Esta é uma chuva de meteoros cujo radiante está localizado próximo da estrela Alpha Centauri, na constelação do Centauro. Os meteoros podem ser observados anualmente entre os dias 28 de janeiro e 21 de fevereiro.
O professor destaca que a melhor hora para assistir a meteoros é no fim da noite por volta da meia noite até o amanhecer.
De acordo com o professor Carlos Jung, a taxa média é de 10 meteoros por hora. Eles atingem a atmosfera terrestre a uma velocidade de cerca de 58,2 km/s.
“Os meteoros devem ser visíveis apenas aqui em nosso hemisfério sul, por causa de seu radiante (o ponto no céu de onde os meteoros parecem se originar). Fica a apenas 30 graus do polo celeste sul, perto do sistema estelar Alpha Centauri”, explica.
VÍDEOS: Jornal do Almoço

Ultimas notícias

Voluntários produzem pães para doar a estudantes da rede pública de Taquara

Campanha começou, há três semanas, produzindo 100 pães. Com doações da comunidade, volume foi duplicado. Produção dos pães...

Hospitais gaúchos ganham 80 milhões de reais para o combate ao coronavírus

O governo do Estado repassou, nesta sexta-feira (9), R$ 80 milhões a cerca de 200 hospitais gaúchos para o custeio dos serviços ambulatoriais e...

Municípios do RS notificam Anvisa por lotes de vacina contra a Covid com menos doses do que indicado

Conselho de Secretarias Municipais da Saúde estima perda de 20 mil doses em 100 cidades. Agência afirma que...

Corujas são devolvidas à natureza após tratamento em Porto Alegre

Filhotes foram encontrados em uma rua da Zona Sul da Capital há três meses. Animal é comum em...

Veja tambem