Operação da polícia investiga irregularidades em licitações para compra de móveis escolares no RS



Polícia Civil suspeita que consórcio de municípios teria direcionado licitações para empresários. Mandados de busca foram cumpridos na Região Metropolitana, no Vale do Taquari e em São Paulo. Polícia Civil cumpriu mandados de busca e apreensão na Região Metropolitana de Porto Alegre
Polícia Civil/Divulgação
A Polícia Civil realizou uma operação para investigar crimes contra a administração pública na Região Metropolitana de Porto Alegre. A suspeita é de que funcionários públicos de um consórcio de municípios tenham direcionado duas licitações para beneficiar empresários. Os editais previam a compra de móveis para escolas, no valor de R$ 396,3 milhões.
Os agentes cumpriram 12 mandados de busca e apreensão entre a terça (23) e esta quarta-feira (24). A polícia recolheu documentos e aparelhos eletrônicos nas cidades de Porto Alegre, Esteio, Cachoeirinha, Gravataí e Viamão, na Região Metropolitana, e em Encantado, no Vale do Taquari. Ninguém foi preso.
Além disso, a investigação contou com o apoio da Polícia Civil de São Paulo, que cumpriu mandados na cidade de Taquaritinga, de onde seria a sede da empresa beneficiada pelo esquema.
Investigação
Conforme a Polícia Civil do RS, os envolvidos teriam praticado crimes licitatórios, corrupção, associação criminosa, entre outros delitos contra a administração pública.
De acordo com o Departamento Estadual de Investigações Criminais (DEIC), o consórcio municipal teria publicado um edital para compra de móveis escolares. Depois de não adquirir os equipamentos, a entidade teria feito uma nova licitação, com o mesmo objeto, beneficiando a empresa moveleira paulista.
A 1ª Delegacia de Polícia de Combate à Corrupção, vinculada ao DEIC, conferiu, junto ao Tribunal de Contas do Estado, que a maioria dos itens dos editais estava superfaturada.
VÍDEOS: Tudo sobre o RS

Ultimas notícias

Voluntários produzem pães para doar a estudantes da rede pública de Taquara

Campanha começou, há três semanas, produzindo 100 pães. Com doações da comunidade, volume foi duplicado. Produção dos pães...

Hospitais gaúchos ganham 80 milhões de reais para o combate ao coronavírus

O governo do Estado repassou, nesta sexta-feira (9), R$ 80 milhões a cerca de 200 hospitais gaúchos para o custeio dos serviços ambulatoriais e...

Municípios do RS notificam Anvisa por lotes de vacina contra a Covid com menos doses do que indicado

Conselho de Secretarias Municipais da Saúde estima perda de 20 mil doses em 100 cidades. Agência afirma que...

Corujas são devolvidas à natureza após tratamento em Porto Alegre

Filhotes foram encontrados em uma rua da Zona Sul da Capital há três meses. Animal é comum em...

Veja tambem