Hospitais do RS abrem mais 35 leitos de UTI para tratamento da Covid-19


Unidades ficam nos municípios de Sapucaia do Sul, Canoas e Tramandaí. Secretaria Estadual da Saúde prevê abertura de mais 30 leitos durante esta semana para Guaíba, Parobé e Passo Fundo. Hospital Nossa Senhora das Graças, em Canoas, abre 20 novos leitos de UTI
Vinicius Thormann/Prefeitura de Canoas/Divulgação
Hospitais de três municípios do Rio Grande do Sul ganharam o reforço de 35 leitos de UTI para o tratamento da Covid-19 entre o sábado (20) e esta segunda-feira (22). A ampliação do atendimento ocorre após a entrega de equipamentos, por parte da Secretaria Estadual da Saúde (SES), durante o fim de semana.
Das novas unidades, 15 já começaram a funcionar. O Hospital Municipal Getúlio Vargas, em Sapucaia do Sul, na Região Metropolitana de Porto Alegre, conta com 10 leitos. Já o Hospital de Tramandaí, no Litoral Norte, abriu cinco vagas.
O Hospital Nossa Senhora das Graças, em Canoas, também na Região Metropolitana da Capital, foi contemplado com equipamentos, abrindo 20 novos leitos nesta segunda.
Com o reforço, o governo do RS soma 1.141 novos leitos de UTI abertos durante a pandemia.
No último balanço de ocupação dos hospitais, divulgado pela SES às 11h07 desta segunda, o estado contava com 2.308 pacientes internados em 2.684 vagas de UTI, entre leitos privados e do SUS. O número representa 86% da capacidade máxima.
Previsão de mais 30 leitos
A SES ainda estima a abertura de outros 30 leitos de UTI durante a semana. Nesta segunda, o órgão entrega equipamentos para 10 novas vagas no Hospital São Francisco de Assis, em Parobé, na Região Metropolitana. O Hospital Berço Farroupilha, em Guaíba, também na Região Metropolitana, deve reabrir 10 unidades que não estavam em operação.
Já na quarta-feira (24), o governo estadual fará a entrega de respiradores, monitores e camas para reabrir 10 leitos no Hospital São Vicente de Paulo, em Passo Fundo, no Norte do estado.
Reforço na estrutura
Além dos novos leitos, a SES reforçou a estrutura de unidades que já operavam no estado. O Hospital São Camilo, de Esteio, na Região Metropolitana da Capital, recebeu cinco respiradores e cinco monitores para retaguarda de pacientes na emergência.
Também serão entregues sete respiradores para suporte de emergência ao Hospital Bruno Born, em Lajeado, no Vale do Taquari.
VÍDEOS: Tudo sobre o RS

Ultimas notícias

Voluntários produzem pães para doar a estudantes da rede pública de Taquara

Campanha começou, há três semanas, produzindo 100 pães. Com doações da comunidade, volume foi duplicado. Produção dos pães...

Hospitais gaúchos ganham 80 milhões de reais para o combate ao coronavírus

O governo do Estado repassou, nesta sexta-feira (9), R$ 80 milhões a cerca de 200 hospitais gaúchos para o custeio dos serviços ambulatoriais e...

Municípios do RS notificam Anvisa por lotes de vacina contra a Covid com menos doses do que indicado

Conselho de Secretarias Municipais da Saúde estima perda de 20 mil doses em 100 cidades. Agência afirma que...

Corujas são devolvidas à natureza após tratamento em Porto Alegre

Filhotes foram encontrados em uma rua da Zona Sul da Capital há três meses. Animal é comum em...

Veja tambem