Fórum da Liberdade começa nesta segunda em Porto Alegre

Evento online e gratuito reúne 26 palestrantes, entre eles o vice-presidente Hamilton Mourão e o ex-presidente Michel Temer. Começa, nesta aegunda-feira (12), em Porto Alegre, a 34ª edição do Fórum da Liberdade. O evento gratuito está com inscrições abertas até terça (13), último dia dos encontros, e será realizado totalmente online.
O Instituto de Estudos Empresariais (IEE) é o organizador do fórum. Ao todo, 26 palestrantes foram confirmados, entre analistas políticos, empreendedores e pensadores de diversas áreas.
Entre os convidados, estão nomes do Brasil e do exterior, como o vice-presidente da República, Hamilton Mourão, e a colunista de política e economia do The Wall Street Journal, Mary O’Grady. O ex-presidente Michel Temer participa do primeiro dia da programação.
A presidente do IEE destaca o tema desta edição, “O Digital Limita ou Liberta”. Segundo Júlia Tavares, os palestrantes vão discutir o paradoxo das novas tecnologias.
“O Fórum da Liberdade propõe um encontro de vozes qualificadas para analisarem as oportunidades e as ameaças desta era digital, cada vez mais onipresente em nossas vidas”, explicou”
Informações sobre o evento estão no site do Fórum da Liberdade.
VÍDEO: Veja como foi a edição de 2019 do evento
Fórum da Liberdade encerra com debates políticos, econômicos e socias

Ultimas notícias

Governo do RS substituiu classificação de bandeiras por emissão de alertas para o monitoramento da pandemia

Dados regionais serão analisados e, caso GT de saúde perceba tendências de agravamento, governo emitirá alertas. Municípios deverão...

RS tem aumento de 55% em feminicídios em abril de 2021

Levantamento da Secretaria de Segurança Pública do estado compara os dados com o mesmo período do ano passado....

RS tem queda nos casos de latrocínio e homicídio em abril

Enquanto houve redução nos índices de crimes contra a vida, estado viu crescer número de ataques a banco....

Universidade cria campanha para arrecadar alimentos em São Leopoldo; saiba como doar

Unisinos pretende arrecadar recursos para a compra de 2 mil cestas básicas. É possível doar dinheiro por depósito...

Veja tambem