Governo de SP vai acolher 400 pessoas em situação de rua em estação do metrô durante a frente fria

O governo de São Paulo anunciou nesta quarta-feira, 28, o programa “Noites Solidárias” para acolher pessoas em situação de rua durante a frente fria. De hoje até o dia 31 de julho serão disponibilizados colchões, cobertores, água, alimentação e 20 banheiros químicos na estação de metrô Pedro II, na linha 3-Vermelha, para abrigar 400 homens entre 20h e 8h. Célia Parnes, secretária de Desenvolvimento Social, afirmou que as vagas serão exclusivamente para o público masculino por conta da demanda. “Existem vagas femininas oferecidas pela capital em quantidade suficiente”, disse. Segundo o governo de SP, a segurança dentro da estação estará reforçada pela Secretaria de Segurança Pública e pela Guarda Civil Metropolitana. Uma equipe que auxilia o Padre Júlio Lancelotti estará no local. Também serão abertas duas mil vagas de alojamento provisório à população em situação de rua em 134 cidades do Estado. A campanha ainda vai entregar 83 mil cobertores térmicos, 2,3 mil agasalhos e 23 mil pares de meias aos municípios paulistas. Além disso, restaurantes do Bom Prato vão servir 3 mil sopas por noite, gratuitamente, até o fim de agosto.

 

 

 

 

Ultimas notícias

Ideias para vender produtos artesanais

Empreender, para muitas pessoas, tornou-se uma forma de fazer uma renda extra. Desse modo, com o objetivo de auxiliar as pessoas que...

Melhores localidades em Tocantins para se conhecer

Frederico Gayer Machado de Araujo, grande empresário e nativo de Tocantins, comenta sobre os melhores lugares para se conhecer em seu...

Como manter um cabelo lindo e cacheado?

Para Leandra, a Diva do Brás, o cabelo cacheado está cada vez mais em alta, podendo até ser uma nova tendência nos...

Marco Antonio Carbonari dá dicas de harmonização com queijos

Receber amigos ou pessoas especiais em uma noite de vinhos para degustação e aperitivos é um dos programas...

Veja tambem