Em 14 meses de pandemia, o coronavírus já matou quase 26.700 pessoas no Rio Grande do Sul

Divulgado neste domingo (16), o mais recente boletim epidemiológico da Secretaria Estadual da Saúde (SES) acrescentou 644 testes positivos e 28 mortes por coronavírus no Rio Grande do Sul. A atualização elevou para 1.031.880 as confirmações da doença no Estado, com 26.685 perdas humanas em 14 meses de pandemia.

Cabe ressaltar que a estatística não reflete a realidade, por conta da já habitual subnotificação de casos nos fins de semana. Isso porque a ausência de trabalhadores em departamentos de hospitais e órgãos municipais nos sábados e principalmente nos domingos leva a um atraso no envio dos dados às autoridades. 

Dentre os gaúchos infectados até agora, 989.182 (96%) já se recuperaram da Covid, que atinge todos os 497 municípios do Rio Grande do Sul. Outros 15.933 (2%) são considerados casos em andamento, incluindo desde os assintomáticos em quarentena domiciliar até casos graves atendidos em hospitais das mais variadas regiões.

Já a taxa média de ocupação das unidades de terapia intensiva (UTIs) por adultos permanecia estável em 77,6% no final da noite, de acordo com o painel de monitoramento divulgado no portal covid.saude.rs.gov.br. O índice resulta da proporção entre 2.631 pacientes internados para um total de 3.390 leitos da modalidade.

Em relação à aplicação de vacinas contra o coronavírus, mais de 2,7 milhões de habitantes do Rio Grande do Sul receberam a primeira dose, o que representa 51,5% dos segmentos-alvo da campanha de imunização (5,2 milhões de habitantes, para uma população geral de 11,3 milhões). Os contemplados com a segunda injeção, por sua vez, chegam a 1,12 milhão (21,5%).

Novos casos fatais

Ainda no que se refere aos óbitos por covid, as vítimas mencionadas pelo relatório deste domingo abrangem idades de 38 a 96 anos, residentes nos seguintes municípios gaúchos:

– Campina das Missões – 68 anos;
– Candelária – 38 anos;
– Candelária – 44 anos;
– Canoas – 41 anos;
– Carazinho – 58 anos;
– Caxias do Sul – 76 anos;
– Caxias do Sul – 82 anos;
– Caxias do Sul – 96 anos;
– Flores da Cunha – 77 anos;
– Frederico Westphalen – 53 anos;
– Miraguaí – 40 anos;
– Palmeira das Missões – 76 anos;
– Pelotas – 50 anos;
– Pelotas – 70 anos;
– Pelotas – 82 anos;
– Porto Alegre – 65 anos;
– Santa Cruz do Sul – 47 anos;
– Santa Cruz do Sul – 88 anos;
– Santiago – 62 anos;
– Santo Ângelo – 65 anos;
– Santo Ângelo – 70 anos;
– Santo Ângelo – 89 anos;
– São Lourenço do Sul – 72 anos;
– São Luiz Gonzaga – 50 anos;
– São Luiz Gonzaga – 79 anos;
– Sapiranga – 61 anos;
– Triunfo – 57 anos;
– Tupanciretã – 62 anos.

(Marcello Campos)

Ultimas notícias

Falta de insulina na rede pública de farmácias causa preocupação em pessoas com diabetes no RS

Segundo a Secretaria Estadual da Saúde, falta do medicamento ocorre desde maio. Ministério da Saúde alega que foram...

Rio Grande do Sul se aproxima de 1 milhão e 200 mil testes positivos de coronavírus. Mortos são quase 31 mil

Divulgado nesta quinta-feira (24), o mais recente boletim epidemiológico da Secretaria da Saúde ampliou para 1.199.084 o número de testes positivos de coronavírus no...

Ministra do STF rejeita novo habeas corpus de ex-segurança preso pela morte de homem negro em supermercado no RS

Defesa de Giovane Gaspar da Silva pedia a conversão da prisão preventiva em domiciliar para que respondesse o...

Banco do Brasil abre concurso com vagas para cinco regiões do RS

Mais de 150 vagas imediatas serão preenchidas. Concurso seleciona também para cadastro reserva. Cargo é de nível médio...

Veja tambem